Carlos, O Chacal

O mais procurado do século XX

Escrito por Pedro Vale

Um latino que aterrorizou o mundo com sua ideologia

A biografia de CARLOS, O CHACAL chega ao seu terceiro episódio. Neste domingo(18), à 01h45, na tela da Band.

No século XXI, o terrorismo tomou proporções intensas. Nomes como Osama Bin Laden e grupos como EI e Al-Qaeda, se tornaram mundialmente conhecidos por suas atrocidades. Mas ações extremistas já aconteceram antes. Nos anos 70 e 80, um venezuelano assumiu o posto de homem mais procurado do mundo.

Este homem foi Ilich Ramírez Sánchez, que foi apelidado de Chacal, pois em uma revista em seu esconderijo, a polícia britânica encontrou o livro “O Dia do Chacal”, do inglês Frederick Forsyth. Já o nome Carlos veio na época em que ele lutava com a Frente Popular para Libertação da Palestina.

Pessoas próximas ao venezuelano o descreveram como “megalomaníaco” e “egocêntrico”. Na época dos seus atentados, muitos não conheciam o rosto de Carlos, o que fez dele uma figura misteriosa e amedrontadora.

Neste domingo(18), à 01h45, confira o desenrolar da história de CARLOS, O CHACAL na tela da Band. Sinopse:

A data é 21 de dezembro de 1975. Liderando um grupo de seis militantes esquerdistas – de Células Revolucionárias Alemãs e militantes palestinos, incluindo Anis Naccache – Carlos toma o controle da sede da OPEP, tendo os ministros e delegados como reféns. Ele está no auge de sua notoriedade na mídia.

 

HD onde disponível

Horário de Brasília

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.